Ah! A lua de mel!!!

Bom diaaaaa!!!
Hj com um dia lindo, após uma madrugada de mta chuva...amooooo horário de verão!!!
Bom, vamos falar sobre lua de mel??? Tem coisa melhor???
Digo à vcs que é uma fase muuuuuito importante do pós Big Day, não a viagem somente (claro q tb...rs), sempre digo às noivinhas, não importa pra onde vcs irão, o mais importante é o primeiro momento de vcs como casados, desfrutando de uma intimidade ímpar, e claro passeando...
Eu sabia que ganharia minha Lua de Mel, meu tio disse que me daria, mas no fim, foi uma madrinha que me deu, e meu tio me deu a grana para ficar por lá os 10 dias...
O marido não queria viajar de avião de forma alguma...rs...resolvemos ir para um lugar super bacana, que fosse perto, e desse para ir de carro, então resolvemos ir para Ilha Bela, um paraíso, um lugar lindo demais...amei!!!
Mas, para quem não sabe se vai ganhar a lua de mel, o ideal, é planejar antes, hj tem mtos pacotes de viagens acessíveis, que pode parcelar em várias vezes...

Trouxe à vcs uma matéria sobre Lua de Mel, extraída do IG, tem dicas para todos os bolsos...


Lua-de-mel para todos os bolsos

No espírito da máxima “não importa o destino, e sim a companhia”, é possível planejar a lua-de-mel com diferentes orçamentos




Quem casa quer casa, mas antes disso quer passar alguns dias a sós, de preferência em um destino inesquecível. Para a lua-de-mel não se transformar em dívidas amargas, planeje-se com antecedência – de preferência um ano. E, em primeiro lugar, preste atenção no quesito temporada. “Isso é importante por três motivos, e o primeiro é o preço: fora da alta temporada tudo fica mais barato. Além disso, é preciso considerar o movimento – ninguém quer passar a lua-de-mel no meio de uma bagunça, enfrentando filas, com crianças correndo e jogando areia em vocês – e o clima – normalmente a baixa é durante as estações de temperatura mais amena, ou seja, outono e primavera, evitando calor extremo ou frio congelante”, explica o turismólogo e consultor de viagens Daniel Thompson. “Fora que a duração do dia é maior quando fugimos do inverno”.


O Delas conversou com especialistas no assunto e reuniu dicas para todos os orçamentos. Confira.

Se você pode gastar até R$ 1 mil

- Faça um empréstimo

Mas não de dinheiro. Segundo a assessora de casamentos Alexandra Loureiro, uma noiva sob os seus cuidados pegou emprestado o trailer de uma amiga para passar alguns dias com o marido aventureiro. “Outra pediu para uma conhecida a sua casa em Porto de Galinhas”, conta. Mesmo que o destino seja longe, caso haja a possibilidade de um empréstimo de casa, vale comprar passagens aéreas com bastante antecedência, quando costumam sair mais em conta.

Roteiros charmosos do interior

Que tal tentar um pacote terrestre, de ônibus? “Há muitas opções românticas, como Serra Negra (SP), Monte Verde (MG), Petrópolis (RJ), Serras Gaúchas (RS)...”, sugere Daniel. Para quem não abre mão da vista para o mar, há opções para o litoral também. Informe-se antes sobre a hospedagem e se ela oferece a privacidade e o clima intimista que vocês buscam.

Troca de casas

Alguns sites, como o Troca de Casa, promovem a troca de residências em diversas partes do mundo. Pode ser uma forma inusitada de começar uma nova vida, se hospedando na casa de outro casal! Você disponibiliza a sua residência no período que se hospedar, gratuitamente. Assim, economizará bastante e terá despesas apenas com deslocamento e alimentação.

Se você pode gastar de R$ 1 mil a R$ 3 mil

- Pacotes aéreos nacionais

As agências de viagem oferecem preços tentadores para pacotes, com hospedagem em hotéis mais simples e com duração de cerca de 4 dias. De acordo com Alexandra Loureiro, os destinos mais procurados (e que os casais adoram) são as praias do nordeste brasileiro.

Amor na América do Sul

Buenos Aires, a capital argentina, é um dos destinos preferidos dos brasileiros e, de quebra, é uma cidade extremamente romântica. Passar um fim de semana ou três dias ali pode caber perfeitamente no seu orçamento. Daniel indica também a cidade litorânea de Punta Del Este, no Uruguai e Santiago, no Chile.

Nos mares

“Cruzeiros curtos, daqueles que visitam duas ou três cidades, podem ser uma boa opção”, recomenda Alexandra.

Se você pode gastar de R$ 3 mil a R$ 6 mil

- Nordeste confortável

Uma semana em bons hotéis no nordeste brasileiro cabem neste orçamento. “Para o casal, o pacote de 7 dias custa aproximadamente 4 mil reais em diversas agências”, conta Jaqueline Dahall Mikahil, consultora de viagens da Be Happy Viagens.

Adicione luxo ao rústico

Com este orçamento, é possível passar alguns dias luxuosos em destinos pitorescos, como Bonito, Pantanal ou Amazônia. “Informe-se sobre hotéis cinco estrelas, com bangalôs e infraestrutura”, conta Daniel.

Resorts na América Central

Cancun, República Dominicana, Punta Cana, Los Cabos, Puerto Vallarta, Aruba... “Há resorts com o sistema de all-inclusive que se encaixam nesta verba”, diz Alexandra.

Se você pode gastar de R$ 6 mil a R$ 9 mil

Alto padrão

Segundo Jaqueline Mikahil, as melhores opções são cruzeiros no Caribe ou resorts exclusivos no Nordeste. “Com este valor, dá para passar uma semana nestes locais, no sistema de all-inclusive”, diz. Os experts apontam o resort Nannai, na Praia de Muro Alto, em Pernambuco, como hors concours na categoria lua-de-mel dos sonhos.

Expanda os horizontes

Com este dinheiro, já dá para pensar na Europa ou cidades da América do Norte. Que tal buscar referências em filmes que o casal adora e elaborar roteiros customizados com a história de vocês?

E quando o dinheiro não é problema...

Busque consultoria especializada

A Be Happy Viagens, por exemplo, é focada em viagens de altíssimo padrão para recém-casados. “Montamos o roteiro dos sonhos do casal. Pode ser desde a Polinésia francesa, com roteiro de 10 dias, por cerca de 18 mil reais, até Dubai com Ilhas Maldivas, em roteiro de 10 dias, por aproximadamente 14 mil dólares”, lista Jaqueline.

Explore o diferente

Na África do Sul você dispõe de trens de luxo, super safáris e hotéis estrelados... Dubai e Abu Dhabi são roteiros para quem gosta de ouro e deseja (merecidamente) esbanjar, cruzeiros por países nórdicos ou pelo mediterrâneo são outras opções. “Você pode até pensar no Canadá com a oportunidade de ver ursos e acompanhar a Aurora Boreal”, conta Daniel. Que tal?

Lado oriental

Por estar do outro lado do mundo, Índia, Japão, China, Camboja e afins são roteiros caríssimos, mas que podem ser desfrutados de forma especial na lua-de-mel, se o orçamento não for problema. Que tal?

Dê a volta ao mundo

Para quem tem tempo e dinheiro de sobra, a aliança entre companhias aéreas Star Alliance oferece bilhetes para dar a volta ao mundo. Passagens em mãos, a cumplicidade do casal vai aumentar ao se debruçar sobre os destinos e traçar roteiros. Partindo do Brasil, a rota é definida pelo viajante, que então pode escolher o tipo de hospedagem que deseja e fazer as reservas.



Aproveitem as dicas...
Um ótimo dia à todassss
Bjoooo

4 comentários:

Bruna Correa disse...

Ai, to precisando de uma outra vez! rs
Bom dia linda!
Beijos

Vanessa Santos disse...

Até onde eu sei, vou pra Punta Cana eheh, ganhei de um padrinho!!!
Beijos

JúHh e PiUu disse...

Oiii Jé.... mt obrigada viu....
mt legal esse post sobre lua de mel... to mt indecisa ainda pra onde irei...


beijinhus fica com Deus

Fernanda disse...

Oi Jé
Bom Dia!

A lua de mel tbm é importante, realmente hj em dia tem vários lugares bacanas q parcelam a viagem rs...
Valeu pelas dicas...

Uma viagem com o love é o essencial depois da festa de casamento!

Bjão